Daikin Brasil Brasil

Menu

16.out.2019 / INFORMAÇÕES TÉCNICAS

Seja qual for o tipo de compressor, estaremos falando de um componente fundamental. O compressor juntamente com o elemento de expansão, evaporador e condensador, completam o ciclo de refrigeração básico. Veja a ilustração abaixo.

Classificação de compressores

Antes de falar sobre os tipos de compressores, precisamos falar como são classificados, eles podem ser:

• Herméticos: Motor e compressor formam uma única peça. São selados, sem parafusos.

• Semi-herméticos: Também têm motor e compressor na mesma carcaça, porém, são mais robustos e são fechados com parafusos.

• Abertos: Neste caso motor e compressor são separados. O acesso é facilitado, podem ser consertados no próprio local onde estão instalados.

Os 5 tipos de compressores

Além das 3 classificações acima, existem ainda 5 tipos de compressores, conforme sua configuração e características de compressão:

• Rotativo: Trata-se de um rotor excêntrico que gira em dentro de um cilindro. São largamente utilizados em ar condicionado.

• Alternativo: A compressão do fluido refrigerante é feita por um pistão que fica dentro de um cilindro, semelhante a um motor de automóvel, vai e vem. Compressores alternativos são mais ruidosos e gastam mais energia, aos poucos estão sendo substituídos pelos rotativos.

• Centrífugo: A compressão do fluido é feita dentro de um alojamento especial por um propulsor de alta velocidade e muitas pás. Também bastante utilizados em condicionadores de ar.

• Parafuso: O elemento compressor é formado por 2 rotores em forma de parafuso, macho e fêmea, que são interligados e giram ao contrário. Interagem como um parafuso girando numa rosca. É um compressor utilizado em equipamentos de grande porte para conforto e também usados em refrigeração comercial.

• Scroll: O compressor espiral ou Scroll possui 2 elementos em forma de espiral, um deles fixo e outro que gira contra o elemento fixo.

Todos eles são usados tanto em refrigeração como em ar condicionado, o que diferencia o uso é o porte, a capacidade. Centrífugos e parafusos são utilizados para grande porte, geralmente a partir de 100 TR. Os rotativos e Scroll, geralmente são empregados até 10 TR. Compressores alternativos, até 150 TR.

Compressores Daikin

Todos os tipos de compressores são utilizados pela Daikin, exceto o alternativo, que como já dissemos, está desaparecendo do mercado.

Vale ressaltar que no mesmo tipo de compressor podemos ter inovações. Por exemplo, os Split Daikin da linha Advance, utilizam compressores rotativos com tecnologia swing inverter. Na tecnologia swing, o pistão é integrado com a palheta, o que evita vazamentos, ruído e desgastes, que são causados pelo atrito mecânico entre estes dois componentes nos compressores rotativos tradicionais. Além disso, são compressores mais eficientes que os outros inverter pois os imãs de Neomydium neles aplicados possuem propriedades magnéticas muito superiores aos de Ferrite, que são normalmente empregados nos compressores inverter do mercado. A Daikin chama esses compressores de “Swing DC Inverter”.

O coração do sistema

Falamos nos 5 tipos de compressores de ar condicionado. Não importa qual o tipo, o compressor é o “coração” do sistema, talvez o componente mais importante de um condicionador. Dentre todas as peças, costuma ser a mais cara, pelos motivos já apresentados.

Até a próxima!

Ar condicionado tipos de compressores

7 respostas para “Os 5 tipos de compressor de ar condicionado”

  1. Renato disse:

    Parabéns pelo ótimo matéria!
    E tbm pela forma mais simplificada de explicar …
    Já estudei é sempre estudando sobre refrigeração,este conteúdo foi muito objetivo…queria saber se vcs oferecem curso line desde já obg.

    • Daikin disse:

      Prezado Renato,

      Agradecemos seu comentário. Estamos avaliando sua sugestão pois sabemos da necessidade de podermos entregar toda a nossa qualidade de nossos cursos de forma online também.

      Abraço!
      Marketing

  2. Igor disse:

    Muito boa a matéria!

  3. Bruno disse:

    Podem esclarecer o # de polos usados nos motores dos compressores Daikin? O site ainda eh confuso como consumidor mesmo sendo elogiado pelo técnico de instalação da representante como o primeiro a perguntar sobre esses detalhes do compressor e tecnologias usadas em cada modelo. Eu estava confuso logo a Daikin pode melhorar o marketing pra se destacar perante outras marcas. Por mais de um mês ainda pensava que Samsung ou LG fossem melhores.

  4. Bom dia,
    Tenho uma dúvida e gostaria que vocês tecnicamente pudecem por favor esclarecer.
    Existe diferença entre os “compressores” para trabalhar no sistema convencional “fixo” e para trabalhar no sistema “inverter”?
    Recebi a informação que os os compressores inverters atuais possuem uma válvula (solenóide) dentro do compressor que atua quando em baixa rotação, para aumentar a lubrificação mecânica quando nesta rotação e que esta válvula não está presente nos compressores convencionais, pois sempre trabalham na rotação máxima permitindo a correta lubrificação.
    Existem outras diferenças entre eles ou os compressores são semelhantes.

    • Daikin disse:

      Bom dia, Florencio.

      Obrigado pelo interesse em nosso blog.

      Eletricamente, os compressores inverter utilizam uma tecnologia de motor diferente dos compressores fixos. Enquanto os compressores fixos utilizam motores de indução AC com rotor de gaiola, os inverters atuais utilizam motores do tipo BLDC (motores de corrente contínua sem escova), que são acionados pelo que chamamos de DC inverter, e os rotores possuem imãs permanentes.

      Já na parte mecânica, apesar de serem pensados especificamente para manter as vedações entre os lados de alta e baixa pressão bem como a lubrificação mesmo em condições de rotação bem baixas (o que não ocorre nos modelos fixos), não existe uma válvula solenoide exercendo esta função (ao menos não nos compressores Daikin). Todo o projeto e a construção mecânica resultam na manutenção destas importantes características com confiabilidade e sem a necessidade de uma válvula operando.

      Att,

      Engenharia de Produto
      Daikin

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *