Daikin Brasil Brasil

Menu

22-fev-2022 / Release Daikin confirma a eficácia da tecnologia Streamer para inativar a variante Ômicron do Coronavírus (SARS-CoV-2)

Mais de 99,9% de inativação contra a variante Ômicron, após 2 horas com o Streamer, em comparação ao mesmo período sem essa tecnologia.

62153f93e9a02.jpeg

A Daikin Industries, Ltd., em colaboração com o Professor Tatsuo Shioda e o Professor Assistente Tadahiro Sasaki, do Departamento de Infecções por Vírus, vinculado ao Instituto de Investigação para Doenças Microbianas, na Universidade de Osaka, demonstraram que a exclusiva tecnologia Streamer da Daikin exibe mais de 99,9% de efeito de inativação contra o Ômicron, que é uma das variantes do Coronavírus (SARS-CoV-2), em uma comparação com e sem descarga de Streamer.

Em sua busca para verificar a eficácia da tecnologia Streamer desde 2004, a Daikin demonstrou anteriormente, com instituições públicas, sua eficácia em mais de 60 tipos de substâncias nocivas, tais como bactérias, alérgenos e vírus, incluindo o vírus da gripe (tipo A, H5N1), RSV e o norovírus de rato, que são suprimidas ou inativadas pela tecnologia Streamer. Além disso, a Daikin confirmou mais de 99,9% de efeito de inativação contra a variante convencional, as cepas mutantes Alfa, Beta e Gama e 99,8% de efeito de inativação contra a variante Delta. Agora, a Daikin pode anunciar mais de 99,9% de efeito de inativação contra a variante Ômicron, após 2 horas de descarga do Streamer, em comparação à ausência do Streamer.

 

Essa demonstração exibe os resultados de experimentos usando um dispositivo que gerou a descarga do Streamer sob condições de teste e não indica a eficácia de um produto Streamer real, em uso sob condições reais (espaço habitável).

 

Resultados dos testes
A irradiação com descarga do Streamer, por duas horas, inativou 99,93% e, por quatro horas, 99,97% da variante Ômicron do Coronavírus (SAR-CoV-2), em uma comparação com e sem descarga do Streamer.

Vídeo explicativo com detalhes sobre o teste de verificação

O vídeo explica os recursos da tecnologia Streamer, assim como o método de avaliação e resultado desse teste de verificação.

URL do vídeo: https://youtu.be/EmLMNSMFeMM (inglês)

https://youtu.be/N-WwQpMRdyo (japonês)

 

Método de Avaliação

No teste de verificação, foi utilizada a cepa hCoV-19/Japan/TY38-873/2021 (variante Ômicron). Duas caixas de acrílico com cerca de 31 litros foram colocadas em um armário de segurança, em instalações do tipo BSL-3 (do inglês, Biosafety Level 3), e o dispositivo de descarga Streamer foi instalado em uma dessas caixas de acrílico. Agitadores tipo gangorra, com placa de 6 poços para cultura de células, foram posicionados em ambas as caixas e 0,5 ml de uma solução de vírus foi colocada em cada poço das placas. A irradiação do Streamer foi realizada em uma placa de 6 poços, durante a agitação com um agitador tipo gangorra. Após 1, 2 e 4 horas, a solução de vírus foi coletada e a titulação do vírus foi medida pelo método TCID50, utilizando células Vero E6/TMPRSS2.

 

Tecnologia Streamer

A tecnologia Streamer utiliza a descarga Streamer, que a Daikin desenvolveu em 2004, para efetuar a decomposição oxidativa de substâncias nocivas. É um tipo de descarga de plasma, com uma tecnologia inovadora de purificação do ar, que gera "elétrons de alta velocidade" de forma estável – um feito de difícil realização até então. Sua capacidade de decomposição oxidativa é muito maior que a da descarga de plasma convencional (descarga de brilho). Além disso, quando combinados aos componentes do ar, esses elétrons de alta velocidade exibem uma poderosa capacidade de decomposição oxidativa. Essa capacidade permite que a descarga do Streamer remova continuamente odores, bactérias e poluentes do ar interno, tal como formaldeído.

Até a presente data, a Daikin tem colaborado com universidades e institutos de pesquisa públicos, para demonstrar a eficácia dessa tecnologia para vírus da gripe altamente virulentos (tipo A H5N1), vírus da gripe de baixa virulência (tipo A H1N1), norovírus de rato, cepas convencionais e mutantes do novo coronavírus (SARS-CoV-2) e toxinas e bactérias que causam intoxicação alimentar.

 

Os mecanismos da tecnologia Streamer e os resultados da demonstração são também apresentados em nosso site "DAIKIN Streamer Research Institute".

URL: https://www.daikin-streamer.com/en/

 

Tipos de vírus que foram testados até agora

Vírus testados

Instituto de pesquisa

Data do relatório

Vírus da gripe aviária (tipo A-H5N1)

Instituto Nacional de Higiene e Epidemiologia do Vietnã

16-Abr-2009

Vírus da gripe (tipo A-H1N1)

14-Set-2009

Vírus da gripe (tipo A-H3N2)

Centro de Controle de Doenças da Cidade de Xangai etc.

8-Fev-2010

Vírus RS

Wakayama Medical University

13-Abr-2012

Adenovírus, vírus Coxsackie, Enterovírus, Ecovírus, vírus do sarampo

Centro de Ciências Ambientais Kitasato

 

23-Jun-2017

Norovírus de rato

Universidade de Tóquio

11-Out-2018

Coronavírus
(SARS-CoV-2)

Cepa convencional

Universidade de Ciências de Okayama

16-Jul-2020

Variante Alfa

Instituto de Pesquisa para Doenças Microbianas, Universidade de Osaka

25-Jun-2021

Variantes Beta e Gama

1-Jul-2021

Variante Delta

27-Ago-2021


Além dos vírus acima, a eficácia contra 7 tipos de bactérias, tais como Legionella e Pseudomonas aeruginosa, 30 tipos de alérgenos, tais como pólen de cedro e Dermatophagoides farinae (excremento/carcaça), e 19 tipos de substâncias químicas nocivas foi verificada por instituições públicas.

 

Sobre a Daikin

A Daikin concentra tradição centenária, tecnologia de ponta e liderança global no segmento de ar-condicionado. Fundada em Osaka (Japão) em 1924, a marca é a número um no mundo no setor de Aquecimento, Ventilação e Ar Condicionado (HVAC) e emprega 85 mil colaboradores distribuídos em mais de 150 países.

Desenvolvedora de tecnologias como o VRV (sistema que mais cresce em aplicações residenciais e comerciais) e o fluido R-32, que coloca os aparelhos da marca entre os que provocam menos impacto ambiental, a empresa possui uma linha completa de ares-condicionados para locais de grande a pequeno porte, sejam residências ou comércios. Todos os equipamentos possuem alta eficiência, baixo consumo de energia, são mais sustentáveis e duráveis, com modelos que oferecem ainda conectividade.

No Brasil a Daikin disponibiliza desde 2011 o que melhor da sua tecnologia e inovação, com parque fabril em Manaus (AM) desde 2014. Prezando por excelência absoluta e qualidade de ponta para seus clientes, a empresa conta com um Training Center em São Paulo (SP) para capacitação de profissionais e treinamento de equipes técnicas que se espalham por todo o país. Conheça nossos aparelhos em showrooms localizados na capital paulista e no Rio de Janeiro (RJ), Recife (PE), Porto Alegre (RS) e Brasília (DF). 

Acesse www.daikin.com.br e saiba mais.

Sobre a Tecnologia Streamer: Este documento permite compreender o conteúdo do press release da Daikin Industries Ltd. (originalmente em japonês), o qual apresenta resultados de testes em instituições renomadas com o dispositivo de descarga Streamer. O efeito dos produtos equipados com a tecnologia Streamer ou o efeito em ambientes de uso real poderá diferir. 

Acesse https://www.daikin-streamer.com/en/ e saiba mais.

Carrinho de compras

Finalizar compra